Classificação Industrial Internacional Uniforme 1

Classificação Industrial Internacional Uniforme

Cada povo tem, em geral, uma classificação industrial própria, pela forma mais adequada para responder às tuas circunstâncias individuais e ao grau de desenvolvimento de tua economia. Uma vez que as necessidades de qualificação industrial varia, seja pra análises nacionais ou para fins de comparação internacional. A Classificação Industrial Internacional Uniforme de todas las Actividades Económicas (CIIU) permite que os países produzam detalhes de acordo com categorias comparáveis à escala internacional. A CIIU desempenha um papel significativo ao fornecer o tipo de diferenciação por atividade obrigatório para a compilação das contas nacionais do ponto de vista da criação. Sua finalidade principal é ofertar um conjunto de categorias de atividades que você podes utilizar no momento em que diferem das estatísticas de acordo com essas atividades.

O propósito secundário da CIIU é mostrar este conjunto de categorias de atividade de forma a que as entidades possam ser classificados de acordo com a atividade econômica que fazem. K – Actividades financeiras e de seguros. Q – Serviços sociais e relacionados com a saúde humana.

T – Actividades das famílias pela propriedade de empregadores, actividades indiferenciadas de geração de bens e serviços de casas pra uso respectivo. A Nomenclatura estatística das actividades económicas na Comunidade Europeia (NACE) é o sistema de classificação de atividades econômicas usada pela União Europeia. Tem como apoio a CIIU Rev.3. ↑ “CIUU: Classificação Industrial Uniforme | Bolsa de Serviço | PUCP”.

Jogos de Eleusis (entre 1324/três e 1308/7 a. Jogos herói saiu vitorioso: (1259/oito a. Jogos Nemeos (1251 a. Jogos Panjonios (1086/5 a. Pátroclo. Eles realizaram testes de corrida de veículos, pugilato, disputa, corrida, competição, arremesso de peso, tiro com arco e lançamento de dardo.

  • Três Diplomacia internacional
  • quatro Regiões Administrativas
  • Negócio de bicicletas
  • dois Posição pública

Em a Odisséia narra os jogos em honra de Ulisses, em que se realizaram corrida, luta, pugilato, lançamento de disco e salto. Hesíodo, por sua vez, cita alguns jogos em honra de ir dos anos em que o autor adquiriu a vitória num concurso de poesia. De acordo com um relato do geógrafo Pausânias, os jogos olímpicos foram criados por Héracles Ideo, um dos tradução pro espanhol.

Hércules, o filho de mitologia grega. Comumente, estima-se que a promoção dos primeiros jogos olímpicos tiveram começo em 776 a. C., em que venceu Corebo de ↑ na única prova, que era a corrida do estádio. Estes jogos se desenvolveram ante o reinado de Ífito de↑, a quem considerava fundador ou o renovador dos jogos olímpicos.

Esta data baseia-se numa listagem de vencedores dos jogos coletadas no encerramento do século V a. C. por Hípias de ↑ e, desde dessa forma, as datas das olimpíadas usadas para definir a cronologia da história da Antiga Grécia. Alguns autores, mas, consideram que a data de restabelecimento dos jogos por Ífito ocorreu muito antes, em 884 a.

C, por causa uma passagem de Eusébio de Cesaréia, que aponta que não se conservaram os nomes dos ganhadores das vinte e sete primeiras edições dos jogos. Tua denominação deve-se ao recinto de sua celebração: Olímpia, ambiente do santuário mais primordial do deus Zeus e situada no vale do Alfeu.