Shell Aplica As Ferramentas De Inteligência Artificial Da Microsoft 1

Shell Aplica As Ferramentas De Inteligência Artificial Da Microsoft

Shell usa inteligência artificial para aprimorar seus mecanismos de investigação de jazidas e também a segurança em tuas estações de serviço. A empresa bem como aplica esta tecnologia pra processos de manutenção preditiva, de tal forma que conseguem prever falhas em instalações remotas com antecedência. A companhia energética tem criado essas soluções em parceria com a Microsoft, fornecedora de software de apoio. Descubra mais histórias em Business Insider.

Entre as inúmeras perspectivas da inteligência artificial é a de aprimorar e tornar mais eficiente a realização empresarial. O setor de energia não quis esperar por essa revolução digital e neste instante são incalculáveis os processos a que foi aplicada esta profética tecnologia. É o caso da multinacional petrolífera Shell que tem servido de inteligência artificial pra melhorar seus mecanismos de análise, porém não só isso, assim como a segurança em suas estações de serviço.

  • Análise: WRC quatro
  • Georges Aurach, O jardim das riquezas
  • Digite o seguinte texto e pressione a tecla Enter
  • Primeiras camadas: São sensíveis a funções básicas, como bordas e suas orientações
  • 07/04/16 4:29:Cinquenta e dois PM 402 0x80070003 defeito: A leitura do manifesto
  • Já não será essencial fechar a sessão pra consertar o defeito com as aplicações “anti-desfocagem”
  • oito – Clique em Aplicar e depois em Ok.<====Nessa ordem

O principal estímulo que se coloca neste recurso de investigação é a exatidão e o geodireccionamiento. Não é acessível precisar com exatidão a grandeza e a localização horizontal do poço quando se tenta atingir o petróleo ou o gás. E é que, conforme explicam fontes da companhia, embora as tecnologias de perfuração remota têm avançado muito, continuam exigindo muita mão-de-obra. O método, além, é complexo e implica a tomada de decisões de profissionais altamente qualificados, durante 24 horas por dia e 7 dias por semana. Assim é como a energética desenvolveu uma ferramenta batizada como Shell Geodesic que permite aperfeiçoar a precisão no processo de perfuração dos poços.

O faz usando-se de inteligência artificial e algoritmos de machine learning que oferecem melhor visão das diferentes camadas de aparato que se encontram perante a terra e que podem conservar o acesso aos sítios. Para esta finalidade, a companhia tem servido de plataforma de Bonsai, empresa que comprou no ano anterior, a Microsoft, que treinou os algoritmos de inteligência artificial, ou seja, criou os modelos neurais e lhe ensinou os modelos de posicionamento. Mas este é somente um dos casos práticos a que recorreu o petróleo.

Shell, novamente a mão da Microsoft, usa inteligência artificial e reconhecimento de imagens pra detectar possíveis situações de insegurança e perigo nas estações de serviço e alerta pra que os trabalhadores possam agir. A ferramenta Microsoft Azure IoT Edge foi treinada pra discernir as ações perigosas, como fumar um cigarro enquanto se enche o depósito ou a condução imprudente nas instalações.

por meio de algoritmos de machine learning e sem acessar a nuvem, a ferramenta processa muito rapidamente os dados e identifica as ações pra quais está treinada. “Todos e qualquer um de nossos pontos de venda têm uma média de 6 câmeras que capturam por volta de 200 megabytes de detalhes por segundo.

Se você tentar carregar tudo isso pela nuvem, de forma acelerada vai tornar-se algo incontrolável”, confessa Daniel medidores de fluidez, Data Science, o gerente Geral do Shell. “O Edge Inteligente permite-nos ser seletivos com os dados que passamos a nuvem”. A companhia também usa esta tecnologia pra inspecionar equipamentos no fundo do mar. “Nós a todo o momento tivemos robôs com câmeras no fundo do mar, mas tínhamos que estar pendentes de imagens de video para precisar se havia alguma razão pra intervir”, comentou Yuri Sebregts, vice-presidente executivo de tecnologia e CTO da Shell. “Com a observação de filme podemos automatizarlo totalmente. É rapidamente, mais barato, melhor e mais seguro.